Dicas de segurança ou dicas para tornar a vida do viajante mais fácil e simples fazem  T O D A  a diferença em uma viagem sozinho.

Se estamos prestes a viajar sozinhos, é mais importante ainda aprendermos a cuidar da nossa segurança e a pensarmos em tudo. Estaremos por nossa conta e risco. E assim evitamos problemas ou consequências maiores de um problema, nos antecipando com relação a ele.

( ! ) Se ainda tem dúvidas, saiba 7 motivos de porque você precisa viajar sozinha(o

Sem crise, nada de desmarcar viagem! Viajar sozinho é essencial a qualquer um e por isso reuni aqui  as minhas dicas e a de diversos viajantes solos do mundo (alguns deles profissionais).

As dicas também valem para quem viaja em grupo ou casal mas alguns itens e situações só acontecem com quem viaja sozinho. Então não deixe de ler! Você pode aproveitar 90% das dicas;)

Os temas estão divididos por etapas: o que fazer na preparação da viagem, dicas para viajantes solos durante a viagem e dicas bônus!


30 Dicas essenciais para quem viaja sozinho !


Como se preparar antes de partir


1. Informe-se com relação ao seu destino

dicas-para-viajar-sozinho-pesquise-seu-destino

Já disse e repito que a regra de ouro é saber o maior número de informações possíveis sobre seu destino. É isso que você busca em um blog de viagem como esse, por exemplo, então continue assim. Procure ler um blog ou obter informações de quem você se identifica.

Não precisa saber os detalhes do que vai fazer a cada minuto da viagem, não é disso que se trata aqui. Mas informações como o bairro legal de se hospedar, que seja seguro. Um local onde você poderá andar a noite pela região em segurança.

Aproveite e instale o Google Trips.

Sites da prefeitura do seu destino também são ótimos locais para descobrir alguma festa ou evento na cidade no período que você estiver por lá.


( ! ) Posts que podem interessar:

Quero companhia para viajar sozinho, onde achar

Sozinha em Buenos Aires e o Airbnb

10 melhores lugares para conhecer sozinho no Brasil.

15 lugares para conhecer sozinho no Mundo.

Como usar o Google Trips (funciona offline)


2. Hospede-se com segurança

Sites como TripAdvisor e Booking normalmente oferecem informações também sobre o bairro.

dicas-para-viajar-sozinho-bairro-booking

Além disso, procure sempre hospedar-se nos locais que possuem muitas análises positivas de quem já esteve no local. Leia as opiniões dos hóspedes, principalmente os que foram sozinhos.

Dica: Reservando seu hotel ou hostel pelo Booking através dos links do blog você paga o mesmo mas ajuda o blog com uma pequena comissão. Se você gosta dos conteúdos aqui, colabore para que continuemos postando tudo de graça. 🙂

3. Considere hospedar-se em Hostels (Albergues)

O ambiente do hostel é perfeito para quem viaja sozinho e engana-se quem pensa que todo quarto é compartilhado. Pode-se hospedar em quartos compartilhados ou em quartos privativos, e há ainda a opção de quartos com banheiro ou banheiro compartilhado. Ou seja, se quiser um quarto só seu também dá. Não haverá a infraestrutura que um hotel possui mas pode aproveitar da sala comum (que todo hostel possui) para fazer seus amigos. Muita gente na mesma ideia, com roteiros flexíveis ou parecidos com o seu e dispostos a conversa. Lembre-se que viajando sozinho você pode fazer o que quiser, então se surgir uma festa ou ponto turístico novo com o grupo, porque não?

4. Informe alguém que não irá viajar com você sobre seu itinerário

Deixe algum amigo ou familiar seu sabendo onde te encontrar nos seus dias de viagem. Explique que você não quer ser seguido, é apenas para questões de segurança caso precise ser contatado.

5. Procure chegar durante o dia

Se for possível, chegue durante o período claro do dia por motivos óbvios mas muitas vezes deixados de lado. Para chegar ao desconhecido, tendo que procurar endereço é muito melhor que se faça durante o dia.


O que levar?


6. Leve uma “farmacinha”

Essa é dica para qualquer viajante, mas sobretudo se estiver sozinho. Melhor ter alguma coisa em mão do que ter que procurar uma farmácia passando mal. Além disso alguns remédios só serão obtidos com receita ou serão difíceis de achar no destino que estiver.

 Os melhores viajantes (brasileiros) que conheço podem ir para qualquer lugar, mas fazem seu estoque de remédios no Brasil. Na minha farmácia nunca falta band-aid ou fitas para protegeção dos pés, algo para estômago/digestão (nunca se sabe que comidas encontraremos por aí), um antigripal potente (variações bruscas de temperatura e baixa imunidade podem contribuir com gripe durante a viagem), algo para dor (de cabeça, muscular) e antialérgico (nesse caso porque tenho alergia a muita coisa, se você é mais normal que eu só leve se sua viagem incluir possíveis picadas de insetos).

7. Leve uma mala fácil de carregar

dicas-para-viajar-sozinho-leve-mala-facil-2

Se você estará sozinha(o) vai ter que carregar sozinho a mala por aí. Isso inclui escadas, metro, talvez areia, mala pra lá e pra cá e ela sempre volta mais cheia.

As dicas são: deixe a mala o mais leve possível e leve uma mala boa de carregar.

Para diminuir o peso você pode considerar lavar as roupas no seu destino (AirBnb, hotéis quase sempre possuem essa opção)

Mala velha com rodinha travada aqui só vai te dar dor de cabeça. Se estiver indo para praia ou lugares mais rústicos, mala de rodinha será uma péssima ideia, melhor as de ombro ou mochilas.

Ou seja, pense bem e não faça uma mala que se voltará contra você.

8. Mantenha as mãos livres (ainda sobre malas) 

 – Se estiver voltando dos EUA pule essa dica XD

Outra dica é manter as mãos livres e para isso; leve apenas uma mala de rodinhas. 

Se preferir, leve também uma mala de mão, que seja uma mochila ou bolsa de ombro para manter ao menos uma das suas mãos livre.

Imagine ter que segurar 2 malas de rodinha e uma bolsa e ainda pegar o dinheiro do metro? Ou pegar o celular pra chamar um uber/táxi que seja? Documento, dinheiro, celular, se segurar no corrimão, enfim! Mão livre!

( ! ) Eu particularmente acho isso mais útil e sigo mais do que a mala leve da dica anterior.

9. Leve uma distração também

A não ser que pretenda sair todas as noites, o que é difícil, é provável que queira “fazer nada” alguma (s) noite (s). Então leve também um bom livro, carregue seu tablet com filmes ou jogos, algo que te distraia. Enfim, qualquer coisa para um momento de descanso. As vezes, viajando sozinho, também é importante diminuir o ritmo e simplesmente relaxar. 


No local


10. Use uma ‘doleira’ ou pochete de viagemdicas-para-viajar-sozinho-doleira

Conhece aquelas doleiras e pochetes para viagem? São ótimas para guardar dinheiro e passaporte/identidade. Você pode manter um pouco de dinheiro na bolsa ou bolsos e a grande parte do seu dinheiro, cartão e passaporte podem ficar nessa pochete que cabe perfeitamente entre sua calça e seu corpo. Ela fica discreta e dificilmente vai ser perdida por você, esquecida  e muito menos roubada.

11. Conecte-se com as pessoas locais, peça informação

Apesar de frisar o tempo todo que você viajará sozinho isso não significa que você está sozinho, aliás nunca estamos. A não ser que você esteja no quarto fechado, basta olhar pro lado e começar a interagir. Uma das melhores coisas para se fazer viajando sozinho é isso, conhecer pessoas e pedir ajuda a elas quando precisar, perguntar sobre um restaurante, um show, qualquer coisa. Eles sabem mais que você sobre a cidade e estão mais atualizados que qualquer coisa na internet que você tenha lido antes de ir (mas não despreze o item 1).

12. Vá comer em algum local bastante popular

Não estou falando de FastFood. Estou falando de algum restaurante, bar, lanchonete que seja popular entre os moradores locais. É bem mais fácil entender a cultura de um povo observando seus gostos. Um viajante solo contou pra mim que gosta de sentar no balcão de bares ao invés das mesas e assim aumentar a chance de fazer amizades.

13. Por falar nisso, alimente-se bem

dicas-para-viajar-sozinho-comer-bem

Muita gente não gosta de se sentar em um restaurante e comer sozinho e evita a situação comendo em pé, em trânsito. E nisso sua saúde vai indo embora durante a viagem né? Mantenha uma alimentação na mesma maneira que voce manteria se estivesse com alguém. Eu sei que em viagem dificilmente fazemos as 3 refeições do dia corretamente mas em viagens solo tendemos a negligenciar ainda mais essa questão. Atente-se e lembre que ficar doente em viagem é péssimo, e sozinho é ainda pior.

14. Faça um tour em grupo

Vença qualquer preconceito e faça um passeio em grupo de turismo. Pode ser aqueles de ônibus de turismo, pode ser aquelas caminhadas guiadas que muitas cidades oferecem (de graça ou cobrando o quanto você estiver disposto a dar). Grandes chances de encontrar outras pessoas e conversar um pouco, aprender. Além disso, há mais chances de se fazer um turismo em grupo ao invés da situação “você e o guia sozinhos”.

15. Tenha consciência de si e tudo que carrega

Tópico mais do que importante. Você é o único responsável pela sua segurança, dinheiro, alimentação, nível de estresse, cansaço, horário. Então esteja consciente. Vai sair pra beber? Não exagere a ponto de não saber nem onde está ou de deixar colocarem algo na sua bebida. Também é importante saber onde estão seus itens mais importantes, no bolso, na bolsa? Cheque a cada parada.

16. Mantenha seus itens importantes no mesmo lugar e verifique sempre

dicas-para-viajar-sozinho-checklist-dos-itens-importantes-para-viagem

Para mim são: Passaporte, câmera, celular e dinheiro.

Esses eu mantenho no mesmo local e faço uma verificação quando saio/chego. Também gosto de ter um caderno com anotações de contatos de emergência e tudo aquilo que já falamos aqui. Pense onde irá guardar esses itens e mantenha-os nos mesmo locais durante a viagem.

17. Faça suas próprias fotos

dicas-para-viajar-sozinho-faca-fotos-proprias

Quer coisa mais legal que essa? Além de registrar os momentos, tirar fotos vai direcionar sua atenção aos detalhes de onde você está. É uma estratégia para aproveitar ainda mais o estado de presença

Além disso, pode usar o pau de selfie a vontade.

18. Quando não quiser mais fazer selfie siga essa dica

Quero dizer que não tenho outras provas e estudos aqui senão os meus próprios, mas sempre funcionou comigo!

Faça assim: Observe alguém com uma câmera boa (semi-profissional por exemplo), provavelmente essa pessoa gosta de fotos e dedicou algum tempo para aprender. Sabe aquele turista clássico com máquina no pescoço? Então, ele é seu alvo, peça para ele bater uma foto sua. Outra estratégia é oferecer-se para bater a foto que alguém ou um grupo esta tentando tirar, quase sempre a pessoa retribui a oferta e tira uma foto sua (sem achar ruim). E por último, o combo: se achar alguém sozinho e com aquelas câmera profissionais, pronto! Cola nessa pessoa porque ela vai ficar muito grata em ter alguém para bater as fotos dela também.

19. Administre seu dinheiro

Em alguns lugares, muito deles até bem povoados, é difícil achar um caixa eletrônico ou um banco 24 horas. Algumas vezes terá que pagar coisas em dinheiro e não em cartão. Ou ainda, a casa de cambio fechou e você não tem como pagar nada pois não trocou dinheiro suficiente pro dia ou fim de semana. Pois é, essas situações podem acontecer, então sempre controle seus gastos e saiba o quanto sacar e cambiar.


Se quer viajar mas não quer ir sozinho

Tem um post interinho sobre esse assunto: Sites para fazer amigos e viajar


20. Conheça um guia local pelo Couchsurfing ou Rent a Friend

Além da forma peculiar de se conectar com pessoas, ou seja, conversar, há sites que unem os viajantes aos moradores locais que estão dispostos a passar um tempo com voce ou te dar dicas. São eles o Rent a local friend e o Couchsurfing. Em ambos o objetivo é se conectar com pessoas com os mesmos interesses que voce, por exemplo. Lembre que nesse caso as pessoas querem uma troca, elas não são guias profissionais, são moradores dispostos a dividir a cultura deles e aprender a sua, esteja aberto a isso.

( ! ) Para saber mais sobre CouchSurfing sugiro:

21. Conheça outras viajantes (esse só para mulheres que viajam sozinhas)

Outra coisa super legal de se viajar solo ! Além da forma óbvia e mais primitiva de conhecer as pessoas há aplicativos voltados exatamente para isso. A dica aqui é via Woman Trip. Um site exclusivo para mulheres que querem viajar e estão sem companhia. No seu perfil, escolha o destino, o perfil (aventureira, luxuosa, etc…) e o destino da viagem e espere, logo o aplicativo cruza informações e você encontra alguém que está disposto a viajar com você nos mesmos termos, gostos e etc.


Sobre manter-se conectado e cuidar dos documentos pessoais  (Principalmente em viagens internacionais)


22. Não dependa só do celular (nem do tablet, nem do notebook)

dicas-para-viajar-sozinho-nao-dependa-do-celular

Não dependa de coisas que não dependem de voce.

Não há como garantir que seu celular vai ter carga sempre que você quiser,  as vezes não temos onde carrega-lo, pode acabar a luz, você pode estar perdido. Ninguém garante também que voce não irá perde-lo ou que aconteça qualquer outra coisa que só acontece com equipamentos eletrônicos. Até mesmo o GPS do celular pode te deixar na mão em inúmeros lugares se estiver numa viagem de carro solo na estrada, por exemplo.

Te convenci? Bem, mas temos as soluções, e isso nos leva as próximas dicas:

23. Anote informações importantes em papel e faça cópia física dos seus documentos.

Como eu disse, costumo levar desde roteiro a documentos scanneados no meu celular, em resumo: uso o celular pra tudo. Está certo? SIM e NÃO. A ressalva é que eu não dependo do celular pois levo copia de tudo em papel. Imprimo ou anoto mesmo.

Se você passar por alguma polícia migratória terá que dizer de prontidão muitas informações, muitas vezes seu celular tem que estar desligado nesse momento, e aí? Tenha em papel!

( ! ) Informações importantes para se ter em papel
  • Cópia da sua identificação pessoal. Passaporte e/ou Visto ou o RG.
  • Dados do Hotel: Nome, endereço e telefone.
  • Telefones e endereços úteis de segurança como consulado e embaixadas brasileiras e algum contato na cidade, se tiver.
  • Seu voo; dia, hora e número do voo.
  • Qualquer outra informação que você ache importante e não gostaria de ficar sem.

24. Leve uma bateria externa

Bom, as vezes só o celular vai nos salvar mesmo, e talvez você seja como eu que usa 264 aplicativos, tira foto de tudo, conversa, manda snap, foto no instagram (@aosviajantes para quem não segue ainda), sobe video no youtube e tudo ao mesmo tempo porque não pode parar e a notícia é em tempo real! BORA!

– É, eu sou bem assim.

Nesse caso eu recomendo seriamente que voce compre uma bateria externa. As de 5400mAh oferecem até 2 cargas ( ! ) enquanto as de 10400mAh prometem até 4 cargas. No mercado há muitas opções de carta e marcas e bolsos.

( ! ) Os mAh escritos nas baterias externas, chamadas também de “power bank”, significam micro amperè por hora. Para saber exatamente quantas vezes o power bank vai carregar sua bateria, basta saber a capacidade dela. Por exemplo, a bateria do iPhone 6 é de 1810 mAh, se você utilizar uma bateria externa de 5400mAh ela irá carrega-lo 3 vezes antes de se esgotar. (5400mAh divididos por 1810mAh é 2,98 – portanto aproximadamente 3 vezes a carga).

25. Mantenha o “modo avião”

Outra dica especialmente utilizada em viagem internacional. Mantenha o modo avião quando não estiver usando o celular. Essa é mais uma dica para economizar bateria nos momentos de fotos e vídeos e/ou para quando voce não estiver usando o pacote de dados.

26. Compre um chip local 

Se estiver viajando para fora do Brasil essa dica é particularmente importante. Voce pode até não querer ligar para ninguém, mas um pacote de dados de internet local te garante acesso a muita informação e contato.

O Blog Aos viajantes é parceiro da EasySim4u, de todos os que existem esse oferece os melhores custos para viagens do tipo férias, também há cobertura para a maioria dos países.

Eu já passei por alguns apuros (nem contei todos aqui ainda), mas minha experiência me disse que se não fosse o chip local eu provavelmente teria um problema muito maior do que o que tive. Custa pouco e vale muito.

Há outras opções como pacote de Wi-Fi free e spots mas esse assunto é tão vasto que não cabe detalhar aqui. Pode deixar que eu falo em breve dessas opções todas (com direito a brinde).


Vença a barreira da língua


27. Aprenda o mínimo da linguagem local

Faça um esforço e aprenda ao menos o básico da linguagem local. Cumprimentos, apresentar-se, perguntar informação de localização ou o preço de algo. Existem hoje vários aplicativos, sites e aulas básicas online sem custo algum.

Se quiser aplicativo: instale o Translate do google (só não funciona muito bem pro alemão, cuidado pra não passar vergonha). Ou ainda instale o Duolingo uns meses antes da viagem e vá treinando palavras simples do cotidiano.

Além desses, para quem precisa aprender do zero ou “afinar o ouvido” para o inglês uma dica é o portal de notícias da BBC de Londres em um site especialmente voltado a brasileiros e em português mesmo. Outro site que funciona da mesma forma é o da alemã Deutsche Welle que oferece áudio e aulas completas em alemão para iniciantes a avançados na língua. É muito bom!


Em caso de ficar doente viajando sozinho


28. Considere contratar um seguro de viagem

dicas para viajar sozinho - seguro de viagemPor um valor modesto (faça um teste) você não só está coberto por médicos e dentistas como também pode ser reembolsado caso percam sua bagagem, cancelem viagem, atrasos mil, problemas com carros alugados e outros detalhes de viagem que um seguro já previu por você. Aqui eu recomendo o nosso parceiro Seguros Promo que faz o comparativo de preços e garante o menor.

Se você decidir fazer esse seguro pode contata-los aqui pelo Aos Viajantes. 

(Cotando seu seguro pelo blog você não paga nada a mais por isso, e ainda é possível conseguir desconto com eles, além de ajudar o Aos Viajantes). 

Faça um teste e compare valores de seguro, você verá que é um custo baixo perto do tanto que ajuda. 

29. Registre-se na Associação Internacional de Assistência Médica a Viajantes (IAMAT)

Imagine ficar doente na China sem saber nada da língua e ter que entender seu problema? Ou sem entender o quanto vai pagar? Pouca gente conhece esse serviço de assistencia médica. O IAMAT garante que você será atendido em qualquer lugar do mundo e em inglês.

Há clínicas em todos os países (no Brasil também) em que você poderá ser atendido em inglês mesmo quando essa não é a língua local do país (que o inglês é uma lingua importante nós já sabemos, mas é especialmente útil se voce estiver em locais de lingua muito diferente da sua). Além disso, esse registro garante atendimento em qualquer lugar do mundo, e é o que os viajantes nômades digitais ou os que fazem volta ao mundo utilizam.

Pois é, em alguns locais pode não ser necessário, mas em outros é um bom modo de estar “liberado pra ficar doente” sem problemas ou sustos.

O site do IAMAT oferece também informações sobre o nível de risco em diversos países com relação a área da saúde. Por exemplo, procure por: Antraxx, Poluiçao do ar , Ebola e dengue, e seu risco em qualquer país.


Dica Bonus


30. Confie nos seus instintos

dicas-para-viajar-sozinho-confie-em-voce

Último mas não menos importante conselho, confie em voce.

Algumas outras dicas podem ser ouvidas por você quando começar o seu plano de viajar solo.

Há quem diga: “não deixe as pessoas saberem que você está sozinho”, “não use celular na rua”, “disfarce ao olhar o mapa” e até “utilize um anel no dedo anelar, como se estivesse casada (OI!? tem gente que diz isso, juro)”. Elas podem fazer sentido e de fato ajudarem (ou não) mas seus instintos serão ainda mais úteis. Se você mora ou morou no Brasil sabe que cuidados devem ser tomados mas sem exagero! E olha, tem muita cidade pelo mundo mais segura que as nossas (infelizmente) então você já deve estar escolada (o) em diversas situações ‘estranhas’, apenas confie em você.

E fique tranquilo (a), é muito melhor que dizem e muito mais seguro do que parece.


( ! ) Posts que podem interessar:

Sozinha em Buenos Aires e o Airbnb

10 melhores lugares para conhecer sozinho no Brasil.

15 lugares para conhecer sozinho no Mundo.

Porque viajar sozinha, 7 motivos que faltavam pra te convencer!


E aí? Gostou? Qual sua dica viajante? 
Inscreva-se no blog e não perca dicas e posts como esse !

Receba as melhores dicas !
Economizar mais e planejamento de viagem
Somente meus segredos. Odiamos spam.

Deixe seu comentário!

Loading Facebook Comments ...

18 Replies to “30 Dicas (essenciais) para quem viaja sozinho

  1. Legal! Muito boas e importantes estas tuas dicas. Muitas eu também faço em minhas viagens, como levar só uma mala e leve, pochetes para dinheiro e documento, pesquisa prévia em blogs e sites sobre os locais a serem visitados e hotéis, para ver se são seguros, faço seguro viagem. Mas algumas outras nunca observei e por isso teu post foi muito útil. Obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Disqus Comments ...