Atualizado em:

turismo-chile-parte-1 Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)

Turismo no Chile, o que fazer?

É difícil decidir o que visitar primeiro quando se trata do Chile.

E quanto tempo ficar? Será que cabe em um feriado? Quando é a melhor época para ver neve?

O Chile tem uma característica única: Ele é comprido, são 4630 km de norte a sul no comprimento, com largura máxima de 430 km.

Por isso, o país tem de tudo e é diverso. É bem provável que você precise de no mínimo umas 3 viagens para lá até que descubra seu extremo preferido.

O Chile é também organizado, bonito e convidativo.

Não tenho dúvidas de que é um dos melhores países da América Latina para se visitar e também para viver. Por isso digo e repito, você irá mais de uma vez para lá.

Apesar de tudo, ele não está tão pertinho de nós, umas 5 horas de avião saindo de São Paulo ou do Rio de Janeiro e não há voôs a todo momento, o que significa que um fim de semana é pouco pra ir, mas um feriado de páscoa ou carnaval já pode encaixar bem (talvez).

Ou seja, é um problemão decidir por onde começar a viagem ao Chile!

É uma combinação de tempo disponível com objetivos e época do ano. Depois disso ainda tem muitos detalhes para acertar, planejamento e muita pesquisa!

Por esse motivo, resolvi dividir os assuntos aqui e a vamos juntos definindo a sua viagem.

Turismo-no-Chile-quantos-dias Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)

Quantos dias devo ficar no Chile?

A melhor resposta para um destino de diferentes climas é: depende.

Depende de quantos dias você tem disponível e do que você quer conhecer.

Uma boa época para conhecer o Deserto do Atacama não é a mesma boa época para conhecer a Patagônia, se você quer combinar esses locais com a capital Santiago, vai precisar de mais que um feriado.

Para comprar a passagem, umas das primeiras coisas que precisamos definir é o número de dias e o mês de viagem não é? Não precisamos ainda de um roteiro detalhado, mas do que queremos ver na viagem.

Então bolei um esquema para te ajudar na sua escolha ( e depois a gente fala de cada destino em detalhes):

Opção 1: Visitar o Chile na época “quente”

De meados de outubro a meados de abril.

Para ver neve aqui só se São Pedro quiser. Não há estações abertas de novembro até abril, se nevar é um milagre, então essa é a época de conhecer o Chile quente!

Viagem curta (3 a 5 dias):

• Santiago
• Lagos Andinos

Viagem Média/ Longa (6 a 10 dias):

• Santiago +  Isla Negra, Valpariso e Viña del Mar
• Santiago + Cajon del Maipo
• Ilha de Páscoa
• Santiago + Lagos Andinos
• Atacama + Santiago
• Patagônia Chilena

( ! ) Para mais de 10 dias vá combinando as opções acima, se puder ficar 2 semanas dá pra fazer a Patagônia Completa.

Opção 2: Visitar o Chile na época “fria”

Meados de maio a início de setembro.

Neve em alta!  De Julho a meados de setembro as estações de esqui estão abertas e funcionando.

Variações na data de abertura das estações ocorrem em virtude do tempo, com o aquecimento global (sim , ele!) tem demorado a nevar e as estações demoram a abrir ou adiam em semanas a abertura.

No fim de maio, junho, fim de setembro até meados de outubro há possibilidade das estações abertas, mas vai depender da sorte.

Viagem curta (3 a 5 dias):

• Santiago (ou bate volta muitos rápidos pelas cidades próximas, mas não recomendo)
• Atacama (se voce quer fugir do calor)
• Chillan ou outras cidades Andinas para prática do esqui

Viagem Média/ Longa (6 a 10 dias ou mais):

• Santiago +  Isla Negra, Valpariso e Viña del Mar + Estação de esqui próxima de Santiago
• Santiago + Estação de Esqui ao Sul do Chile (neve mais garantida)
• Ilha de Páscoa
• Atacama + Santiago
Para mais de 10 dias vá combinando as opções acima.

Acho que a melhor opção para quem quer conhecer o Chile é ir nos meses de outono/inverno e ficar de 7 a 15 dias ou mais.

Turismo-no-Chile-todos-os-destinos Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)

Mapa do Chile

Tá aqui um mapa lindo pra você entender como é complicado escolher pra onde ir quando se trata do Chile, engana-se muito quem pensa que ir a Santiago basta.


Conheça cada um dos destinos no Chile

Santiago, a capital

Turismo-no-Chile-santiago Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)
Santiago <3

Eu sempre digo que moraria em Santiago.

E digo isso porque a cidade é limpa, organizada, linda, moderna, tem parque, tem vistas lindas, tem seu lado rústico,tem uma culinária rica e cultura também, tem tudo. É uma capital gostosa de se estar.

O transporte público funciona e te leva a todo lugar. É uma das cidades que você tem que conhecer será provavelmente seu destino/base para conhecer outras cidades do Chile.

A rede de hotéis e hostels é farta, há vinículas pertinho, estações de esqui e pegar um onibus para visitar algumas cidades próximas é bem interessante.

Voos direto saindo de São Paulo e Rio de Janeiro.

Considere de 5 dias inteiros apenas para Santiago. Para conhecer cidades próximas também, considere 7 a 10 dias de viagem (minha opção preferida).
( ! ) Estou incluindo aqui os passeios as vinículas, há opções em Santiago e outras bem próximas.

Deserto do Atacama

Turismo-no-Chile-deserto-de-atacama Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)
O Deserto árido do Atacama

O Deserto do Atacama fica na cidade de San Pedro, ao norte do país. Para chegar até lá voce deve pegar um avião até Calama, e de lá pegar um transporte até San Pedro.

São umas 3 horas de viagem a partir de Santiago até o Atacama.

O Deserto do Atacama é considerado o deserto mais árido do mundo (em algumas localidades não chove há mais de 400 anos) e as paisagens são de tirar o folego! Para que a viagem seja boa é necessário se programar, agende passeios com agencias saindo do aeroporto ou alugue um carro.

Não se hospede em San Pedro pois vai ficar cansativo ir e vir do Atacama todos os dias. Voce pode sofrer um pouco com a altitude e com o clima seco, mas a paisagem vai compensar.

Não há voos diretos, considere de meio a um dia de translado.

Há quem prefira o inverno para não sentir tanto calor e ver neve, a maioria prefere o verão e primavera para fazer as caminhadas e passeios.
Considere de 6 dias inteiros para fazer todos os passeios no Atacama.
Site oficial: www.sanpedroatacama.com

Patagônia Chilena

Para apreciar toda a Patagônia Chilena ( e também a argentina) voce vai precisar de uns 10 a 14 dias.

A melhor época é no verão pois os dias estão mais longos e os passeios continuam existindo pois há neve.

A logística é um pouco mais complexa. Considere perdidos para passeios os dias de chegada e saída.

Vou dividir esse tópico em Lagos Andinos (Puerto Montt e Puerto Varas) e a Patagônia completa.

Você pode combinar Lagos Andinos com uma viagem a Santiago e dão um gostinho da Patagônia, mas se você busca algo mais intenso, faça o passeio da Patagônia completa, é preciso reservar mais dias e provavelmente uma viagem exclusiva a esse destino.

Fica a seu gosto:

Lagos Andinos ( Puerto Montt e Puerto Varas)

turismo-no-chile-lagos-andinos Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)
Lagos Andinos

Essa é uma região linda e se você estiver pensando em ir ao Chile na época de verão ou primavera, tem que conhecer esse lugar! Os chamados Lagos Andinos por nós incluem as regiões de Puerto Montt e Puerto Varas.

Hospede-se em Puerto Varas que é um lugar mais bonitinho.

Por lá voce verá a belíssima vista de lagos ao norte da Patagônia Andina, também verá de perto do Vulcão Osorno e poderá fazer caminhadas pela região.

Ainda dá pra fazer um bate volta ao arquipélogo de Chiloé , onde inúmeros pinguins vivem com seus filhotes (de setembro a março). Pode ser interessante atravessar os lagos andinos e ir a Bariloche, somando mais um destino a viagem.

De avião são 2 horas de Santiago a Puerto Montt, de onibus são 14 horas pela TurBus.

Considere de 3 a 4 dias inteiros na região incluindo ou não Bariloche

Patagônia Completa

Além dos lagos Andinos há diversos outros locais que integram a região da Patagônia, que envolve os países Chile e Argentina.

Bariloche na Argentina já é região da Patagônia, e de lá até Ushuaia ( a terra do fogo) são 2200 km. Tem noção?

Para agrupar todas as regiões em uma viagem só é necessária logística e um sistema de transporte inteligente.

Também não adianta ficar pouco tempo em cada local pois muitos deles dependem de boa visibilidade para se aproveitar, e ficando um dia apenas pode ser que não haja condição climática adequada para o passeio.

Você pode ir de avião, onibus ou navio. Carro não é recomendado pois a navegação é complicada, GPS sem sinal, pouca sinalização, poucos postos de gasolina, frio. Ir de carro pode até parecer boa ideia a princípio, mas requer conhecimentos e cuidados aos quais eu não poderei te ajudar e não recomendo.

Os principais locais, além dos lagos andinos, são: Bariloche (na Argentina), Ushuaia (Argentina), Punta Arenas, (Chile), Torres del Paine ( Chile) e El Calafate (Argentina).

O que voce precisa saber sobre a Patagônia antes de comprar sua passagem é que pode ir direto até ela do Brasil ou pode combinar esse destino com Santiago no Chile, ou Bariloche na Argentina e até mesmo Buenos Aires.

Se quiser combinar destinos vai precisar de mais dias, se for direto a Patagônia, menos dias. Simples. Continue lendo para saber como combinar esses dias.

Ilha de Páscoa

Turismo-no-Chile-ilha-de-páscoa Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)
A mística Ilha de Páscoa

A maneira mais próxima de se chegar a Ilha de Páscoa é a partir do Chile.

O destino é um pouco caro, há apenas 2 voos no verão e um no inverno e somente a LATAM faz o trecho ( por isso é caro), mas a verdade é que a Ilha de Páscoa é um dos lugares mais místicos do mundo.

Para quem gosta de cultura, história e misticismo é um destino perfeito. O clima é bom o ano todo, mas no verão costuma ser ainda mais agradável.

A ideia é relaxar também e tudo é bem informal, as pessoas receptivas e a culinária rica. O passeio imperdível envolve a visita aos Moais e a visita ao Vulcão Orongo, um dos que originou a ilha.

De avião são 6 horas a partir de Santiago pela LATAM. Há 2 voos por dia no verão e  1 no inverno.

Considere 4 noites ( 3 dias) para fazer todos os passeios ( e descansar).

Valparaíso e Viña del Mar

turismo-no-chile-Vina-Del-Mar Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)
Viña del Mar, Valparíso é surpresa

Da para conhecer ambas a cidades no mesmo dia mas eu não recomendo sair tarde de Santiago para isso. É meio corrido dessa forma.

Se quiser pode até separar as cidades em dois passeios. Valparaíso é uma cidade da UNESCO e ela é única, só estando lá para saber como é, apenas vá. Viña del Mar é uma cidade fofa demais, litoranea, paisagem linda.

De ônibus são 1h 30 min e tem a todo momento. Entre as duas cidades dá pra ir de ônibus de linha.

1 dia para as duas cidades é corrido mas possível, com 2 dias aproveita-se mais.

Isla Negra

turismo-no-chile-islanegra Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)
Casa (preferida) de Pablo Neruda, em Isla Negra

O motivo para ir a Isla Negra é tão somente visitar uma das casas do Neruda mais legais e divertidas, a que ele viveu mais tempo e morreu também. Vale a visita mesmo que seja por isso

De ônibus são 2h saindo de Santiago.

1 dia. O Bate e volta é perfeitamente possível e não há nada na cidade além da casa do Pablo Neruda.

Cajón del Maipo

turismo-no-chile-cajon-del-maipo Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)
Rafting em Cajón del Maipo

Lugar excelente para quem curte caminhadas, rafting, tirolesas e outros.

Vá para curtir mesmo, os lugares mais visitados são o cânion El Morado e a represa Embalse el Yeso. E ainda dá pra relaxar em águas termais como Colina, Morales e El Plomo.

Não adianta ir para explorar a cidade, não é o objetivo lá, a ideia é curtir um turismo aventura perto de Santiago.

Vale a pena ir no verão e primavera para fazer os passeios mas a vista no inverno é linda.

O cuidado aqui é dirigir nas Cordilheiras, no inverno é mais complicado e o ideal seria ir com agência de turismo.

Nesse caso recomendo uma agência, pode falar com a FullTour que é parceria do blog e tem passeios a esse local (com 10% de desconto ao leitor) #FicaDica.

De carro ou onibus são cerca de 1 – 2 horas.

Considere 1 dia de bate e volta.

Estações de Esqui

turismo-no-chile-valle-nevado Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)
Valle Nevado

O Chile possui várias estações de esqui e definir qual delas voce deve ir depende basicamente do seu perfil.

Uma dica importante é: não queria conhecer todas as estações em uma viagem, é cansativo e sem sentido.

Quer ir apenas para curtir a neve? Pretende dormir no local ou quer um bate e volta ? Quer esquiar e nunca esquiou? Já esquia e quer desafios maiores? Responda essas questões pra definir onde irá, cada local tem uma característica.

Há 5 estações de esqui em Santiago: Valle Nevado, Farellones, El ColoradoLa Parva e Portillo. Outras 3 estão mais afastadas da capital, ao sul do país, são elas: Chillán, Corralco e Pucón.

Valle Nevado é a mais bombada

Chegar até ela é parte da aventura e você pode ler meu relato no post de roteiro detalhado. Por ser mais moderninha é também uma das mais cheias principalmente no fim de semana.

A Pista é ok para quem quer começar esquiar mas um praticante do esporte com mais experiência vai se cansar.

Farellones é mais antiga e mais próxima de Santiago

Estrutura bem adequada a iniciantes e indicada para quem quer brincar e se divertir e não necessariamente esquiar, também é a mais popular e visitada por famílias, assim como El Colorado que segue mais ou menos essa ideia.

Chillán, ao Sul

É mais garantia de neve no inverno, tem uma estrutura muto legal pra esqui e hotéis. Está mais longe, você precisa voar até a cidade próxima e ainda pegar um carro ou onibus e viajar cerca de 2 hras. Não cabe num bate e volta.

Só o que voce precisa saber é seu objetivo: Quer ver neve e esquiar? Quer só ver neve? Vai em que época?

Vai pensando aí e a gente continua essa discussão nos próximos tópicos, por hora, saiba:

De carro ou onibus são cerca de 2 a 3 horas para as estações próximas de Santiago. E cerca de 5 horas para as estações ao Sul do Chile.

Se for esquiar fique ao menos dois dias (mesmo que seja iniciante). Se não quiser esquiar pode até fazer bate e volta pelas estações de Santiago mas não conseguirá fazer isso para as estações do Sul.
A neve é mais garantida nas estações do sul na época do inverno. Em Santiago e região nem sempre neva ou não neva em quantidade suficiente para a prática do esqui.


Devo contratar uma agência?

Turrismo-no-Chile-agencia Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)

Depende, se você ficar só em Santiago e tiver muitos dias pode ser ok explorar a cidade sozinho.

A questão é que para ir a outros locais, como os parques de esqui, neve e outros passeios próximos, pode ser muito melhor aproveitado com uma agência.

Já citei mais de uma vez que não recomendo dirigir na estradinha estreita que leva aos Parques de neve e pra isso uma agência é essencial.

Outro passeio que está ligado a agências é o Cajon del Maipo e Embalse el Yeso. Alugar um carro e se programar para ir por conta própria é possível mas não recomendado.

A agência que recomendo é a parceira do Blog, Full Tour, uma das mehores avaliada no TripAdvisor. Além de tudo oferece um desconto exclusivo de 10% a você que estão lendo esse post! AE!

Para contatá-los com esse desconto basta preencher o formulario no link parceiro e contar que soube deles por aqui. 😉


Turismo-no-Chile-o-clima Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)

As temperaturas são bem definidas e costumam manter esse padrão. É um clima seco, voce sente isso na pele, nos lábios, na sede que sente.

O Sol aparece quase sempre mesmo no inverno, então não se iluda pois voce vai continuar usando protetor solar e óculos mesmo no frio (sobretudo na neve).

O verão é quente e seco, com temperaturas na casa dos 25-35 graus.

A primavera é agradável e faz em torno de 15 a 25 graus.

Inverno pode chover mas é difícil, tempo pouco úmido. Temperaturas – 5 a 10 graus dependendo da região.

Outono faz entre 5 e 15 graus, dificilmente ver neve aqui (embora eu tenha dado essa sorte), é no inverno que voce pode ter mais confiança nisso.

Confira sempre a previsão do tempo antes de ir.

Chegamos ao fim da primeira parte! Você ficou com alguma dúvida? Deixe nos comentários!

Espero que ao ler esse post voce consiga pesquisar sua passagem, sabendo quantos dias vai ficar e a época que quer ir, dependendo do seu objetivo.

Também é legal tirar suas dúvidas sobre os próximos assuntos sobre o Chile para que eu responda nos posts relacionados!

Dá uma lidinha sobre o que já foi falado sobre o Chile nos tópicos do início do post, e até breve!

Comente, me fale o que achou!
Advertisements

12 Replies to “Turismo no Chile, o que fazer? ( Parte 1)

    1. Oi Monique, tudo bem? Ai que legal que vc tá indo pra lá! Tenho muitas saudades do Chile 😉 Bem, sobre sua pergunta, agoraé uma época bem legal pra fazer os passeios de Cajon del Maipo sem perigo de escorregar (pq não tá com neve), mais seguro pra criança. Também dá pra fazer o Parque Safari! E na cidade, tem alguns parques legais, o parque quinta NOrmal tem várias atividades pra crianças e lá no fim dele tem uma especie de mesquita, o Museu Artequin com café pros adultos e oficina de arte pros pequenos. Só não funciona todos os dias. Recomendo ver meu post de roteiro (https://aosviajantes.com.br/roteiro-santiago-7-a-10-dias/) para saber do Parque Quinta normal e do Museu Artequin, e sobre os passeios a Cajon e Parque Safari, recomendo a Full Tour que é uma agencia parceria nossa aqui do Blog, são bem legais! (e pro leitor aqui tem 10% de desconto tb). Segue o link:https://mailchi.mp/15891ee04fac/1ru4793p4y#utm_source=postRoteiroCH

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.