Porque escolher Foz do Iguaçu e o que fazer lá? 

Foz do Iguaçu tem uma 7 maravilhas da natureza, as famosas Cataratas do Iguaçú e uma das 7 maravilhas da engenharia moderna, a Usina hidrelétrica de Itaipu.

Além de mais maravilhas e como se já não bastasse tudo isso, o turismo em Foz do Iguaçu é barato, come-se bem, as pessoas são hospitaleiras e possuem uma das melhores estruturas turísticas que já vi nesse meu Brasil. Fica do ladinho da Argentina e do Paraguai, que torna a  viagem internacional e cheia de surpresas.

Dá para passar tranquilamente 5 dias na cidade com muita atividade, e se voce quiser dá até pra ficar mais como eu te mostrei aqui: Roteiro de foz do iguaçu épico – 3 a 5 dias.

Foz do Iguaçu e o Rio de Janeiro alternam ano após ano o posto de cidades brasileiras mais visitadas por turistas. E não é por menos.

Isso ajuda muito a quem viaja sozinho, mas casais e famílias também aproveitam bem esse roteiro.

Convenci? Se ainda não tá com vontade de ir para Foz nesse minuto, pode ter certeza que até o fim do post voce terá comprado a passagem, vem comigo!


Nesse post voce verá:

  • O que fazer em Foz do Iguaçu
  • Quando ir a Foz
  • Quantos dias ficas
  • Onde se hospedar
  • DICAS de moeda e e outros detalhes importantes

O que fazer em Foz do Iguaçu? Dicas de viajante

Já tomou banho hoje?
Já tomou banho hoje?

90% das pessoas pensa que em Foz do Iguaçu existe apenas as Cataratas do Iguaçu e a Itaipú mas a verdade é que a cidade desenvolveu seu turismo e recebe visitantes do mundo todo.

Dentre as principais atrações, as citadas aqui são as mais democráticas e interessantes. Importante ressaltar que existem vários passeios disponíveis além desses (como o salto de paraquedas, por exemplo), mas considero esse pacote um bom início, assim sendo, considere conhecer:

  • Cataratas do Iguaçu – Lado Brasileiro
  • Parque das Aves
  • Usina Hidrelétrica de Itaipu
  • Visita a cidade de Foz: Templo budista, Mesquita e Tríplice fronteira
  • Cataratas do Iguaçu – Lado Argentino
  • Visita a cidade Puerto Iguassu , Argentina
  • Bar de gelo, Argentina
  • Passeio panorâmico de Helicóptero
  • Minas de pedras preciosas de Wanda, Argentina
  • Compras no Paraguai e compras no Duty Free
  • Museu de Cera Dreamland
  • Parque dos dinossauros (bom para crianças)
  • Cassino

Quando comecei a escrever esse post, era pra ser um com dicas e roteiro. Ficou gigante. É tanto detalhe pra contar que resolvi separar em um post inicial com dicas e roteirinhos resumidos e outro com detalhes.

Assim voce usa esse como guia inicial e o roteiro detalhado usa quando e se quiser. Combinado?


Quantos dias ficar em Foz?

Imagem do Tetris, o maior hostel container do mundo
Imagem do Tetris, o maior hostel container do mundo

No mínimo 3 , sendo que o ideal são 5.

Minha viagem foi parte das férias, então queria passar o máximo de tempo possível na cidade.

E assim foi, consegui fazer tudo e, se eu quisesse, caberia mais turismo. Foram 5 dias inteiros (6 dias incluindo o dia de chegada e o de saída). Conhecendo apenas o mínimo, cabe em 3 dias. Porém, não recomendo apenas 3 dias pois voce vai querer mais.

Há um outro detalhe bem importante nesse número de dias: o seu meio de transporte.

Carro? Onibus? Uber? Se voce estiver de carro ou puder alugar um, eu sugiro que faça isso. O transporte público deixa um pouco a desejar e parece confuso ao turista, pouco informativo. Uma outra solução é fazer alguns passeios com uma agência, sobretudo os que são fora de Foz (mais distantes). E não conte tanto com táxi, os taxistas são legais e etc mas o custo é bem alto.

<<Já citei aqui que agência tem vantagem em alguns casos, e segurança é um deles.>>

Em resumo, se voce tiver um carro, poderá enxugar o roteiro abaixo e fazer as coisas no seu tempo.


Quando ir?

Foto rara, somente em período de super cheia
Foto rara, somente em período de super cheia

Para passeios mais aquáticos, barco (macuco safari), e para probabilidade de volume de água maior nas Cataratas e na Itaipu vá entre a primavera e verão. Foz do Iguaçu costuma ser uma cidade BEM quente, então verifique a média de temperaturas da semana de viagem, sempre. Leve repelente também. Se o volume de água estiver muito acima do normal, as plataformas dos turistas na Garganta do diabo (lado brasileiro) ficam embaixo d’água, impedindo a caminhada.

Para curtir com mais calma e menos calor, sugiro outono inverno. Eu fui em Junho e choveu alguns dias, então apesar de ser um período de seca as quedas estavam bem interessantes e a chuva não chegou a atrapalhar. Há quem diga que o espetáculo é diferente em diferentes épocas do ano mas que nunca deixa de ser encantador. Eu concordei muito! Ainda vou voltar a Foz na época de verão para comprovar.


Que moeda levar para Argentina e compras no Paraguai?

o-que-fazer-em-foz-do-iguaçu-pesos-ou-dolar-compras
Hola, que tal?

Atualizado em Dezembro de 2016.

Sem pensar muito: Pesos são melhores que dólar nesse caso. E pode trocar em Foz do Iguaçu mesmo.

Voce vai precisa de pesos quando for a Argentina, evite usar cartão (que consome IOF), e nem todos os locais aceitarão também.

Fazendo as contas (dezembro/2016):

1 Dólar $ equivale a R$ 4,00 Reais.

1 Dólar $ equivale a $ 16,02 Pesos.

Mas 1 Peso$ equivale a R$ 0,21 Reais.

Então, comprando pesos com reais:

$ 16,02 Pesos equivalem a R$ 3,36 reais. Menos que os R$ 4,00 reais caso comprassemos dolares.

Quando eu fui essa vantagem estava maior, (cerca de 30% melhor), atualmente a alta de dólares está acima dos valores amigáveis para compradores. De qualquer forma, faça sempre essa conversão antes de viajar e veja se será vantagem. Comprar bebidas costuma sempre ser vantajoso. Essa lógica é estranha mas é válida pois o real está melhor que o peso.


Documentos necessários! Preciso de Passaporte?

Sim e não.

Se voce tiver uma carteira de identidade emitida com menos de 10 anos de idade poderá usar essa.

Se não tiver, leve passaporte.

Algumas pessoas forçam a barra levando carteira de motorista e outras identificações. Há um acordo, desde 2009 entre Brasil e Argentina, para facilitar a entrada no turista em Puerto Iguazú (somente nessa cidade).

O acordo permite que voce permaneça e transite na cidade de Puerto Iguazu com a CNH por até 72 horas. 

Por isso eu digo, se tiver passaporte, leve!

E voce ainda vai poder se gamar de carimbar ida e volta da argentina 2 vezes no mesmo dia se quiser, é MASTER BONUS no mundo de carimbos de passaporte!


Onde se hospedar em Foz do Iguaçu?

Eu só posso falar do que eu vivi, aprovei e testei.

Fiquei no Pietro Hotel. Fica bem localizado perto de vários restaurantes e de um ponto de onibus de linha.

O Hotel também tem piscina, o que deve ser ótimo no verão, Foz é uma cidade bem quente!

O café da manhã era ótimo! Bem servido e o atendimento também muito bom. O quarto amplo, com TV a cabo (importante pois teve um dia que choveu muito durante a noite e não pude por o pé na rua!), cofre, banheiro enorme e chuveiro excelente!

Essa é uma opção fora do centro mas nem tão afastada assim. Quando fui não consegui um hotel nem hostel no centro mas não me arrependi da minha escolha que acabou sendo um ótimo custo-benefício.

O Pietro Hotel fica:

Endereço: R. Alm. Barroso, 1864 – Centro, Foz do Iguaçu – PR, 85851-010

Outras sugestões que apareceram aqui dos nossos leitores foram:


Roteiro Para Foz 3 e 5 dias (resumo)

o-que-fazer-em-foz-do-iguacu-roteiro-3-dias-5-dias

Se voce chegar cedinho no primeiro dia ou ficar um dia a mais, (4 noites e roteiro de 3 dias ou 6 noites para o roteiro de 5 dias), poderá seguir esse roteiro sem falhas. Os dias em Foz podem ser divididos em atividades de dia e jantar ou atividades a noite, e voce pode combinar de maneira diferente os passeios adanoite. A minha sugestão foi pensando no seu nível de disposição e horário das atividades. Outra consideração é a de que provavelmente voce sairá molhado das cataratas ou encharcado (se fizer os passeios de barco) e talvez queira passar no Hotel antes de sair novamente.

Dia 1 – (dia) Parque das Aves, Cataratas do Iguaçu lado Brasileiro, Voo de Helicóptero + (noite) Duty Free ou Jantar (Italiano ou temático).

Para começar cedo e bem, vá logo ao centro de visitantes e visite o Parque das Aves. Se quiser fazer o Passeio de Helicóptero e o tempo permitir, atravesse a rua e veja as cataratas de cima. Feito o passeio inicial pode ir até o Parque Nacional do Iguaçú fazer trilhas e ir pertinho das famosas Cataratas do Iguaçu quantas vezes quiser. O Parque também tem um restaurante que vale muito a pena. Volte ao hotel e considere ir ao jantar temático da Rafain show (de seg. a sáb.) ou a noite italiana do Bella Itália (quar., qui. e sáb. Prefiro esse por ser menos “turistão” e com comida perfeita). Se não quiser nada disso e estiver com seus dólares em cotação decente pode optar pelas compras no Duty Free, na Argentina.

Dia 2 – (dia) Cataratas lado Argentino + (noite) Duty Free ou Jantar (Italiano ou temático).

Dica importante: Voce precisará de pesos para pagar sua entrada nas Cataratas do lado Argentino, não deixe pra no dia porque o ideal é que voce vá bem cedo, e evite trocas de fim de semana também, sempre são mais caras. Chegando lá verá que o parque tem ainda mais trilhas (pernas pra que te quero!) e voce chegará ainda mais perto das Cataratas agora pelo lado Argentino.

A noite segue a mesma dica do dia anterior, alterne os passeios.

Dia 3 – (dia) Passeio pela cidade e Visita a Hidrelétrica de Itaipu

A Itaipu oferece diversos passeios, entre eles o de circuito especial. Acho que esse é o diferencial se voce estiver visitando a usina, que é uma das 7 maravilhas da engenharia. Antes ou depois depassar por lá pode conhecer a Mesquita e o Templo budista da cidade de Foz. Se quiser também vale a visita a Tríplice fronteira, voce pode por um pé no Paraguai, outro no Brasil e uma mão na Argentina ao mesmo tempo. Se tiver que sacrificar algo, que sejam os jantares e o duty free, tente ao menos uma noite ir até a cidade Argentina. E se voce tiver mais dias na cidade, que sorte a sua! Seguem mais dois das de passeios:

Dia 4 – (dia) Minas de Wanda + (noite) Visita a cidade de Puerto Iguassu e Icebar, na Argentina

Aposto que voce não sabe o que é essa tal Minas de Wanda, bem, eu vou detalhar no próximo post, mas em resumo é uma mina de pedras preciosas na cidade de Wanda, a 60km da fronteira. Visitas ocorrem segundas, quartas e sextas. Sugiro ir com uma agência. Para a noite: Puerto Iguassu é uma cidade com toda a cara Argentina, as lojas ficam abertas até tarde (21hrs) e há vários restaurantes bons para comer um belo churrasco Argentino. Vinhos, queijos e doce de leite a preços ótimos. Depois de comprar e comer vá ao Bar de Gelo (Icebar), onde voce bebe o que e quanto quiser durante 30 min num ambiente todo congelado.

Dia 5 – (dia) Compras no Paraguai

Se fazer compras no Paraguai estiver na sua lista, esse é o dia. Depende de voce ficar um período ou a manhã toda e não sou eu a especialista nisso, confesso não foi meu foco. O que posso te dizer é que comprar dentro dos shoppings Paraguaios é mais confiável. E não bata papo com os vendedores de rua, não diga nem “não, obrigada”, eles te seguem até dentro da mala se fosse fizer isso. E bem, chegamos ao fim do roteiro resumido, ufa!

Mais detalhes como horários, preços e tudo que voce precisa saber sobre os passeios de Foz estão em: Roteiro Foz do Iguaçu – 3 a 5 dias (ÉPICO!)

Cadastre-se para receber posts como esse no seu email !

Deixe seu comentário!

Loading Facebook Comments ...

10 Replies to “O que fazer em Foz do Iguaçu? Dicas de viajante

  1. Olá,
    Boa tarde.
    Adorei o seu post, é muito informativo e me tirou diversas dúvidas sobre Foz.
    Estou querendo ir conhecer Foz em Julho/2017 e vou sozinha, gostaria de saber mais alguns detalhes se caso possa me ajudar.
    Como por exemplo, a melhor localização para ficar sem carro seria o Centro?
    O transporte li no seu post que não é como falam em outros sites né .. Então o que me sugere, fazer passeios com agências mesmo?
    Obrigada desde já

    1. Oi Rafaela! Tudo bem? Você vai a Foz na época que eu fui, inverno.
      Uma dica? Leve roupas quentes! e confira a previsão pra saber se haverá chuva ou não. Eu se fosse vocÊ ficaria no centro, nos hotéis que indico aqui no Post.

      O transporte existe para quem está no centro de uma forma bem mais facilitada do que para quem se hospeda em outros lugares. Por exemplo, há onibus que levam do centro as cataratas, ou do centro a Itaipu. Tranquilo sim, mas próximo ao centro facilta.

      Eu fiz alguns passeios com agências sim por alguns motivos:
      1 – queria conhecer pessoas viajantes
      2 – alguns passeios eram bem mais tranquilos se feitos por agencia, por exemplo vans que iam até o paraguai (e saem do hotel a um preço bom!) ou mesmo ao duty free, que só abre a noite.
      3 – Essa viagem foi um pouco em cima da hora, então meu tempo de planejamento não permitiu pensar no transporte, só nos passeios. Preferi usar agencia para comdidade nesse sentido.
      4 – Daria pra usar onibus? Sim! Mas não a todos os lugares, se pudesse escolher só alguns e estando sozinha, iria por agência para os passeios fora da cidade de Foz (Puerto iguacu, catartas argentinas, minas de wanda e san ignacio, paraguai, cassino e duty free).

      Ajudei?
      Sugiro muito a leitura de outros posts também:
      Roteiro de Foz em detalhes: http://aosviajantes.com.br/roteiro-foz-do-iguacu-epico/
      30 dicas para quem viaja sozinho: http://aosviajantes.com.br/30-dicas-para-viajar-sozinho/

      Beijos e volte sempre 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading Disqus Comments ...